Comitês em Ação

Moradores de Ipiiba se mobilizam para pensar a comunidade

Tipos de violência foi um dos assuntos abordados

Almira Nunes, coordenadora do comitê Creche Comunitária das Mães Trabalhadoras

No dia 06 de julho, moradores de Ipiiba, no município de São Gonçalo, participaram da Assembleia Comunitária do bairro, na sede do comitê Creche Comunitária de Mães Trabalhadoras.

“Violência” foi o principal assunto discutido no primeiro momento. O grupo conversou sobre os diversos tipos de violência, porém dedicaram mais atenção ao debate sobre intolerância religiosa, violência doméstica e discriminação contra mulher. Certos de que fazem parte de um mundo violento, os participantes entenderam a necessidade de analisar de forma crítica e sensível as agressões que recebem e exercem diariamente. Foram orientados a avaliarem seus atos, de forma que neutralizem os negativos, contribuindo para a diminuição da propagação da rede de violência.

A Assembleia Comunitária é um espaço reservado a reflexões de cunho pessoal e social. Na segunda parte do encontro, os participantes tiveram acesso a informações sobre a prefeitura. Alguns moradores relataram falta de conformidade em relação ao que diz a Lei Orgânica, que visa proporcionar melhorias e qualidade de vida aos habitantes, e a prática do prefeito e dos vereadores, os quais possuem a atribuição de acompanhar e fiscalizar o cumprimento da lei.

Após identificar as melhorias que necessitam na região, traçaram estratégias em conjunto para que as dificuldades enfrentadas cheguem ao conhecimento dos órgãos públicos responsáveis.  

Notícia publicada em 23.07.2015