Comitês em Ação

Neymar Jr. e Messi entram em campo no combate à fome e a desnutrição infantil

Campanha arrecadará refeições para a América Latina e Caribe

Para celebrar o novo movimento da marca “Comece algo que Não Tem Preço”, e em continuidade a campanha #JuntosSomos10 – que conecta pessoas com propósitos em comum para começar algo que não tem preço – a Mastercard anuncia uma iniciativa sem precedentes: pela primeira vez na história, uma marca reúne dois astros do futebol – Neymar Jr. e Messi, em uma ação integrada de marketing e comunicação para lutar contra a fome e a desnutrição infantil no Brasil e América Latina.

A ativação do movimento nas plataformas digitais com os novos embaixadores começa com a hashtag da campanha #JuntosSomos10 que incentiva os consumidores a criarem suas próprias histórias e a se unirem à Mastercard para fazer a diferença no mundo. Neymar Jr. e Messi convidarão os seus seguidores a aderirem ao movimento e incentivar os fãs a replicarem o gesto de apoio e usarem a hashtag em suas redes sociais.

Os atletas serão embaixadores desta causa pela Mastercard, até 2020, e a empresa pretende doar 10 milhões de refeições em toda a América Latina e o Caribe. No Brasil, as doações irão, também, para o ONG Ação da Cidadania – fundada em 1993 pelo sociólogo Herbert de Souza, o Betinho – parceira da companhia desde 2017.

“Com parceiros como o Programa Mundial de Alimentos e muitos outros, estamos desenvolvendo iniciativas, como a que estamos anunciando hoje, para ajudar as crianças a atingir seu máximo potencial por meio do poder de uma refeição. Não poderíamos ter encontrado melhores embaixadores para nos acompanhar neste movimento” Ana Ferrell, Vice-presidente Sênior de Marketing e Comunicações do Mastercard da América Latina e do Caribe.

A hashtag #JuntosSomos10 servirá também como um lembrete de que todos os dias as pessoas têm o poder de criar memórias e fazer a diferença. A iniciativa aproveita o papel dos jogadores camisa 10 que são capazes de inspirar e movimentar gerações de fãs por trás do esporte mais amado e seguido na região. Além disso, reforça a mensagem de que o futebol tem o poder de unir as pessoas em torno de uma mesma paixão e de superar os preconceitos culturais. A amizade de Messi e Neymar Jr. dentro e fora do campo inspirou milhões de fãs e é o símbolo de uma cultura que prospera nas conexões e nos relacionamentos.

“As conexões humanas são a base da cultura latina; é sobre comemorar o coletivo ao invés do independente. Estamos unidos para um propósito comum, porque sabemos que as experiências mais importantes da vida não acontecem por si só, nós temos que fazê-las acontecer” explica Ferrell.

#JuntosSomos10 pela Seleção Brasileira e combate à fome e a desnutrição infantil

Em continuidade a campanha #JuntosSomos10, lançada em março deste ano, que mobilizou milhares pessoas em São Paulo a assinarem um bandeirão como forma de apoiar e motivar a Seleção Brasileira na busca por grandes resultados, agora é a vez de outros estados brasileiros receberem a bandeira, mobilizar pessoas e incentivar a Seleção Brasileira em seus desafios e ainda contribuir de forma voluntária no combate à fome e a desnutrição infantil.

Para Sarah Buchwitz, Vice-Presidente de Marketing e Comunicação da Mastercard Brasil e Cone Sul, “acreditamos nas conexões humanas com propósitos em comum que conduzem as pessoas para além das diferenças. Quando as pessoas se juntam, feitos extraordinárias acontecem. Como no futebol, onde todos se unem para incentivar uma paixão em comum”, explica Sarah.

Nesta semana o bandeirão cruzará vários Estados: no dia 11 de abril segue para Goiânia, 13 em Manaus, 15 em Porto Alegre, 17 em Salvador e nos dias 19 e 20 de abril no Rio de Janeiro.

Além da doação de uma refeição para cada uso da hastag #JuntosSomos10, cada quilometro rodado pelo bandeirão no Brasil, será revertido em uma refeição para o Programa Mundial de Alimentos.

Em cada Estado, a Mastercard vai contar com o apoio de influenciadores locais que terão como missão mobilizar um número ainda maior de pessoas seja para assinar presencialmente a bandeira do Brasil, seja para engajar de forma digital ao deixar o recado para a seleção brasileira utilizando a hastag da campanha.

Ao final, na capital fluminense, a bandeira será costurada e entregue em mãos aos jogadores da Seleção Brasileira durante a concentração do time na Granja Comary, em maio.

Para mais informações sobre a campanha visite: mastercard.com.br/JuntosSomos10

Sobre a Mastercard

A Mastercard (NYSE: MA), www.mastercard.com, é uma empresa de tecnologia com foco na indústria global de pagamentos. Nossa rede global de processamento de pagamentos conecta consumidores, instituições financeiras, comerciantes, governos e empresas em mais de 210 países e territórios. Os produtos e soluções da Mastercard tornam as atividades diárias – tais como: fazer compras, viajar, administrar um negócio e gerir as finanças – mais fáceis, seguras e eficientes para todos.

Sobre o WFP/PMA

O WFP/PMA (World Food Program/Programa Mundial de Alimentos) é a maior agência humanitária do mundo que luta contra a fome global, proporcionando assistência alimentar durante emergências e trabalhando com as comunidades para melhorar a nutrição e construir resiliência. Todos os anos, o PMA oferece ajuda a quase 80 milhões de pessoas em cerca de 80 países.

Sobre a Ação da Cidadania

Em 2018 completa 25 anos. Nasceu em 1993, formando uma imensa rede de mobilização de alcance nacional para ajudar 32 milhões de brasileiros que, segundo dados do Ipea, estavam abaixo da linha da pobreza. Um movimento social baseado em um conceito simples: SOLIDARIEDADE, TODOS NÓS PODEMOS. Entre 1993 e 2005 foram arrecadadas 30.351 toneladas de alimentos em todo o Brasil, beneficiando 3.035.127 famílias. Entre 2006 e 2010 foram distribuídos 2.300.000 brinquedos e 500.000 livros em todo o país. Criada no auge do Movimento pela Ética na Política, a Ação da Cidadania contra a Fome, a Miséria e pela Vida se transformou no movimento social mais reconhecido do Brasil.

Seu principal eixo de atuação é uma extensa rede de mobilização formada por comitês locais da sociedade civil organizada, em sua maioria compostos por lideranças comunitárias, mas com participação de todos os setores sociais. No ano de 2017, quando voltou a fazer a Campanha Natal sem Fome nacionalmente arrecadou, em dois meses, quase 800 toneladas de alimentos não perecíveis ultrapassando a meta inicial de 500 toneladas, beneficiando 400 mil pessoas em todo o país.

Notícia publicada em 17.04.2018